Pantera Negra | Estreia do filme e a sua estória nos quadrinhos

Pantera Negra estreia neste fim de semana em grante parte do mundo, o filme já vem reunindo um grande número de boas criticas.

É claro que muitas adaptações são feitas para a versão do cinema – o que é uma coisa boa na maioria dos casos – mas se você quiser conhecer como a estória dele foi contada nos quadrinhos segue um breve relato abaixo. Relato que você pode ler antes ou depois de assistir o filme 😉

A História nos quadrinhos

T’Challa é o herdeiro da dinastia governante do reino de Wakanda, na África, e líder ritual de seu clã Pantera. Sua mãe N’Yami morreu no parto, o que lhe valeu o ódio duradouro de Hunter, seu irmão adotivo. Hunter, que é mais velho que T’Challa, também se ressentia pois o irmão mais novo suplantou-o na descendência da casa real. Hunter se tornaria o White Wolf, líder do Zeraze Hatut (Cães de Guerra), a polícia secreta de Wakanda. Seu pai, T’Chaka, casou-se novamente, mas a segunda esposa, Ramonda, aparentemente fugiu com outro homem, quando T’Challa tinha oito anos. Quando T’Challa era adolescente, T’Chaka foi assassinado por Klaw, um holandês buscando saquear o metal raro Vibranium, que só pode ser encontrado em Wakanda, mas T’Challa usou a própria arma de Klaw para mutilar-lo e afastá-lo. T’Challa estudou na Europa e na América, em seguida, passou por testes rituais em Wakanda – incluindo derrotar seu tio S’yan, o Pantera Negra já existente – para ganhar a erva em forma de coração, melhorando suas habilidades e ligando-lo espiritualmente ao Deus Panther Bast.

Agora governante de Wakanda como o Pantera Negra, ele se desfez do exilado Zeraze Hatut e continuou a transformar seu país em um paraíso de alta tecnologia. Quando a guerra tribal estourou, T’Challa restaurou a paz, condenando a tribo Jabari, e escolhendo Dora Milaje (“Adorado Ones”) de tribos rivais para servir como sua guarda pessoal e cerimonial. Ensinado por seu pai para pensar dois passos à frente dos inimigos e três passos à frente de amigos, T’Challa viu o mundo de super-seres como ameaças potenciais à Wakanda. Convidando o Quarteto Fantástico para visitá-lo, ele forçou a uma série de testes, então aliando-se a eles contra o retorno de Klaw. Ele também se juntou aos Vingadores americanos para espioná-los a partir de dentro, mas logo veio a considerá-los como verdadeiros amigos e aliados leais. Ele adotou a identidade do professor Charles Lucas, enquanto na América, namorando a cantora Monica Lynne, mais tarde, sua noiva. Dividindo seu tempo entre Wakanda e América há anos, ele lutou contra inimigos como o descontente Jabari M’Baku o Homem-Macaco, o líder rebelde Erik Killmonger, o Venomm encantador de serpentes (mais tarde um aliado), o charlatão vodu Barão Macabre, a Ku Klux Klan, do fantasmagórico Alma-Strangler, o mutante antidrogas Salomão Prey, o traficante de armas Moisés Magnum e os Supremacistas de Azania. Ele também lutou contra Kiber o Cruel, durante uma busca da mística de artefatos de mudança de tempo conhecidos como sapos do Rei Salomão, estes produzindo uma versão alternativa de T’Challa de um futuro daqui a dez anos, uma pantera alegre telepática com um aneurisma cerebral terminal. Vendo o seu próprio futuro morrendo em armazenamento criogênico, T’Challa rompeu seu noivado com Monica prevendo que ele não tinha futuro para dar a ela. Wakanda e Atlantis posteriormente chegaram à beira da guerra durante o incidente Ilha Kiber, que revelou Wakanda como uma potência nuclear. Descobrindo que sua madrasta Ramonda não tinha fugido, mas tinha sido seqüestrada por Anton Pretorius, ele a salvou de anos de cativeiro na África do Sul. T’Challa se juntou aos Cavaleiros de Pendragon contra os seus inimigos – o Bane – aprendendo no processo que ele abrigava um dos espíritos de Pendragon em si mesmo. Ele também foi usado como um peão nos esforços da empresa de tecnologia em munições “Cardeal” para intensificar a guerra civil no Mohannda nação do norte, mais tarde expondo a empresa Cardeal – com a ajuda do mercenário Machado Negro e o Afrika ativista anti-guerra.

T’Challa tinha restrições sobre as exportações de Vibranium e tecnologia Wakandana há muito tempo irritando potências estrangeiras. XCON, uma aliança de agentes de inteligência desonestos e a máfia russa, apoiou um golpe de estado em Wakanda liderada pelo Reverendo Achebe. Achebe foi capacitado pelo demônio Mephisto, T’Challa vendeu sua alma em troca de Mephisto, abandonando Achebe e deixando Wakanda em paz, no entanto, a unidade T’Challa com o Deus Pantera e sua ligação com os espíritos dos líderes do clã dos últimos Panteras foram forçando Mephisto a devolver a alma do Pantera. T’Challa, então, apresenta à ONU,  evidências da trama XCON e suas ligações com os EUA, exigindo sanções contra os Estados Unidos.

Após T’Challa destituir Nakia do Dora Milaje por tentar matar Monica Lynne em um ataque de ciúmes, Nakia foi torturada por Achebe e reabilitada por Killmonger, que moldou-a para o Malice guerreiro louco. Ela foi substituída no Dora Milaje por Rainha Justiça Divina. T’Challa voltou para os EUA em uma missão diplomática, deixando o enviado de Washington Everett K. Ross no comando como regente de Wakanda, Killmonger tentou destruir a economia de Wakanda, para impedir isso, o Pantera nacionalizou todas as empresas estrangeiras em Wakanda, causando uma corrida global sobre o mercado de ações, em que Tony Stark (Homem de Ferro) usado para garantir uma participação de controle no Grupo de Design Wakandan. Voltando para casa, a Pantera lutou com Killmonger em combate ritual, mas foi distraído em um momento crítico por Ross e espancado quase até a morte. Killmonger só cedeu quando Ross, ainda regente, interviu em nome de T’Challa, sem querer dar o título ao Pantera Negra a Killmonger. a vida de T’Challa foi misticamente salva pela seu  irmão Voodoo aliado e Moon Knight. Enquanto T’Challa se recuperava, Killmonger tentou se unir aos Vingadores como o novo Pantera Negra, e se alistou Achebe super-mercenários, como Deadpool para atacar Wakanda novamente. Durante a visita dos Vingadores a Wakanda, Ross Hunter Freed é o pivo de intrigas que resultou na morte aparente de Killmonger e restauração de título de T’Challa.

Wakanda entrou em conflito com Deviant Lemúria durante uma disputa sobre a custódia de uma criança Deviant encontrada em Wakanda. Como as tensões montadas, navios de guerra de Wakanda, os EUA e todos Atlantis entraram na área, e Hunter colocou fogo nas coisas quando ele decidiu forçar T’Challa a “recuperar sua dignidade”, revivendo Klaw, que tentou provocar uma guerra total entre as nações envolvidas . No final, habilidades de negociação de Ross e informações fornecidas por Magneto e Doctor Doom resolveram o conflito. Enquanto T’Challa enfrentou ataques de Malice,  Justiça Divina foi raptada pelo homem-macaco, que soube que ela era a rainha de direito de sua tribo. T’Challa derrotou M’Baku novamente. De volta a Nova York, o criminoso Nightshade ressuscitou o monstro lendário chinês Chiantang o Dragão Negro para usar contra T’Challa. Punho de Ferro com a mente controlada, ataca o Pantera do futuro causando um aneurisma cerebral. Nightshade, entretanto, conseguiu reanimar o Pantera do futuro.

T’Challa fica sabendo que Lobo Branco tinha assumido XCON e mataram a maioria de seus líderes, que tinham usado Sapos do Rei Salomão para substituir o presidente dos EUA e o primeiro-ministro canadense, com lavagem cerebral, permitindo XCON secretamente assumir ambos os países. Hunter continuou seu plano e procurou vingar-se de Tony Stark para tirá-lo da empresa Wakandan Design Group. Incerto de quão longe plano de Hunter foi, T’Challa chamou Stark com uma mensagem secreta, usando finagling financeira para assumir o controle da Stark Enterprises e, simultaneamente, anexo uma pequena ilha canadense no Lago Superior, o que levou os líderes do EUA e Canadá  se reunirem para discutir esta crise. O Pantera e seus aliados, incluindo o Pantera do futuro, então invadiram a Casa Branca e o plano da XCON foi frustrado,  revertendo a lavagem cerebral os líderes duplicados e devolvendo-os aos seus próprios tempos.

Pantera e seus aliados voltaram a Wakanda, onde o Pantera do futuro entrou em coma. Na esperança de libertar sua tribo, a Justiça Divina libertou o homem-macaco, mas ele quebrou suas promessas de não-violência, matando o T’Challa impotente do futuro. O T’Challa original, já instável e tendo alucinações, atacou a tribo Jabari com a intenção de acabar com eles, mas depois de quase matar Justiça Divina, ele caiu em si e parou a batalha. Incapaz de enfrentar o que tinha feito, o Pantera passou o poder ao seu conselho e se escondeu em Nova York. Lá, ele orientou policial Kasper Cole (que havia adotado um traje Panther abandonado), uma experiência que deu T’Challa a força para enfrentar a doença, sua nação e do mundo. Seu governo já foi desafiado por um Killmonger renascido, uma questão que continua por resolver. Ao mesmo tempo, T’Challa renovou seus laços com os Vingadores, ajudando-os na batalha do Escorpião e a desmascarar o Secretário Dell Rusk como o Caveira Vermelha. No entanto, a equipe se desfez depois de uma série de ataques devastadores cometidos por uma Feiticeira Escarlate enlouquecida.

 

Poderes

À T’Challa, foi dado poderes e aprimoramentos místicos pela Deusa Bast, quando ele se tornou o Rei dos Mortos. Todas as suas capacidades humanas máximas foram elevadas à níveis sobre-humanos, a um ponto ainda desconhecido.

Conhecimento do Pantera Negra: T’Challa tem o poder de extrair todo o conhecimento, força e cada experiência dos Pantera Negras anteriores.
Força Sobre-Humana: T’Challa recebeu dons da Deusa Pantera, Bast, que elevou sua força a níveis sobre-humanos. Sua força física está entre aguentar 800 kg e 2 toneladas; embora os limites não sejam realmente conhecidos.
Resistência Sobre-Humana: o corpo de T’Challa elimina a acumulação de células que produzem fadiga em seus músculos e sua própria musculatura gera consideravelmente menos células de fadiga do que os músculos de um ser humano comum, o lhe confere níveis sobre-humanos de resistência. Sua capacidade pulmonar está no nível humano máximo, lhe permitindo prender a respiração durante 6 minutos debaixo d’água, fazendo seus pulmões tão saudáveis ​​quanto os pulmões humanos podem ser.
Agilidade Sobre-Humana: a agilidade, o equilíbrio, a flexibilidade, a destreza e a coordenação corporal de T’Challa são aprimoradas a níveis que estão além dos limites físicos naturais de um medalhista de ouro olímpico. Ele tem agilidade combinada às proezas acrobáticas dos aerógrafos e acrobatas de circo mais bem sucedidos.
Reflexos Sobre-Humanos: o tempo de reação de T’Challa é superior ao de qualquer atleta olímpico. Seus reflexos são tão eficientes que ele pode se esquivar de tiros de arma num ponto em branco, se esquivar de balas de metralhadoras e rifles sniper.
Velocidade Sobre-Humana: T’Challa é capaz de correr e se mover a velocidades superiores às de qualquer atleta olímpico, e é capaz de atingir velocidades de até 60 km/h. Ele pode atacar mais rápido do que os olhos podem acompanhar. Sua velocidade em combate parece mais realçada do que qualquer outra coisa, podendo derrubar inimigos fácil e rapidamente e até puxar suas armas já engatilhadas.
Durabilidade Sobre-Humana: a pele, os ossos e os tecidos musculares de T’Challa são aprimorados a níveis consideravelmente mais fortes e mais densos, seus tecidos são impermeáveis ​​a lesões a uma extensão extraordinária.
Vígor Super-Humano: T’Challa possui um vígor físico impressionante. Ele pode exercer-se fisicamente com todo um esforço por várias horas antes que as células de fadiga comessem a prejudicá-lo.
Sentidos Aguçados: T’Challa pode ver com maior clareza à grandes distâncias do que um humano comum. Sua visão se estende para as áreas ultravioleta e infravermelha dos espectros eletromagnéticos, o que lhe permite enxergar na escuridão quase total e manter o mesmo nível de clareza. A audição de T’Challa é similarmente aprimorada, permitindo que ele detecte sons que os humanos normais não podem e sons que normalmente poderiam, porém a distâncias muito maiores. T’Challa pode memorizar milhares de aromas e cheiros. Seu olfato lhe permite reconhecer pessoas e objetos por cheiro, mesmo que estejam bem escondidos. Ele pode rastrear um alvo pelo cheiro e encontrá-lo no local exato, pode cheirar o medo, e detectar se alguém está mentindo por alteração no odor corporal. O paladar de T’Challa é sensível ao ponto de provar os ingredientes exatos de qualquer alimento em particular que ele estiver comendo.
Fator de Cura Acelerado: T’Challa é capaz de regenerar seus tecidos corpóreos e células cerebrais à um grau extraordinário, ele pode curar ossos quebrados, músculos rasgados, mas é incapaz de regenerar membros ou órgãos perdidos. É imune a todas as doenças terrestres, infecções e distúrbios, ele é impermeável a ataques de gás, venenos e toxinas nervosas de qualquer tipo e completamente resistente a doenças.
Consciência Hiper-Cósmica: a exposição de T’Challa à mente de Galactus antes e depois de sua transição de “Devorador” para “Semeador de Mundos”, fez com que le começasse a ter visões no dia-a-dia de sua vida. Ele estava começando a ver e sentir o acontecimentos em torno do Universo e os acontecimentos fora dele também.

Habilidades

Exímio Caçador: mesmo sem seus sentidos sobre-humanos, ele ainda é um mestre da caça. Ele pode sentir e memorizar o cheiro de suas presas independente de suas raças.
Intelecto Genial: seu intelecto faz com ele seja tido como uma das oito pessoas mais inteligentes da Terra. T’Challa conseguiu alcançar grandes objetivos, como um doutorado em física pela Universidade de Oxford. Ele também combinou alquimia com ciência para criar um novo campo científico chamado Física da Sombra, uma disciplina perigosa que lhe permitiu rastrear Vibranium a um nível quântico, criar armas de artesanato que seriam particularmente eficazes contra Vibranium e criar um dispositivo de teletransporte instável.
Exímio Inventor: ele tem capacidade para inventar vários dispositivos com propriedades especiais quando necessário. Embora nem todas as suas invenções sejam tão boas quanto as de Tony Stark, ele possui habilidades em engenharia e um intelecto que o tornam capaz de inventar e criar armamentos com várias aplicações tecnológicas. T’Challa também pode duplicar praticamente qualquer tipo de tecnologia depois de aprender e analisar seu funcionamento.
Exímio Artista Marcial: T’Challa foi treinado para ser um guerreiro desde o nascimento. Ele é um especialista em praticamente todas as formas de combate armado e desarmado, e um mestre em quase todas formas de artes marciais, incluindo formas africanas e desconhecidas.
Grande Estrategista: T’Challa é um estrategista e líder praticamente inigualável. À ele, na juventude, foram ensinadas táticas e estratégias por seu pai que o incentivou a pensar sempre dois passos à frente dos inimigos e três passos à frente dos amigos. Sua proeza é tal que ele fora capaz de pensar e manipular indivíduos como Tony Stark.
Alto Conhecimento Sobre Manipulação de Vibranium: T’Challa possui um vasto conhecimento sobre os manuseios e formas de aplicações tecnológicas do metal Vibranium, esse conhecimento passado de geração em geração lhe permitiu moldar o metal em seu traje, além de adicionar-lhe melhorias como garras retráteis e blindagem contra balas de armas de fogo e outros tipos de perfuramentos. Com esse conhecimento sua nação se tornou uma das mais tecnológicas do mundo.
Mestre Acrobata: T’Challa é uma ginasta e acrobata rigorosamente treinado.
Ótimo Atirador: Ele é um atirador adepto de facas de caça, armas de fogo e outros projéteis.
Poliglota: Além de falar sua própria língua nativa, T’Challa, também fala fluentemente inglês, espanhol, português, japonês dentre outras línguas.
Conexões Altamente Influentes: Como o Rei de Wakanda, o Pantera Negra tem acesso a uma vasta coleção de artefatos mágicos, hardwares tecnológicos e militares, bem como apoio da ampla gama de cientistas, aventureiros e heróis de sua nação.
Imunidade Diplomática: Como líder de uma nação soberana, T’Challa visita frequentemente os EUA e as Nações Unidas por razões políticas, pois ele goza de imunidade diplomática durante essas viagens, e sua embaixada é considerada em solo estrangeiro.

Facebook